sábado, 31 de dezembro de 2016

TEMPO NOVO

Este tempo, contado em anos, como fazemos, chega hoje ao fim e começa outro novo amanhã.

O que acaba, trouxe-nos coisas boas e más, como, de resto, com todos acontece. Este, que até uma geringonça que funciona nos ofereceu, caracterizou-se exatamente por ter tido capacidade de inovar.

Vejam como conseguiu transformar um cargo político morador em Belém, de cor cinzenta, rezingão, que muitos dos dias, quando falava, profetizava a desgraça, com, calculo, problemas de fígado porque em altura de azia, ela era tanta que cheirava a “quilómetros” de distância, numa lufada de ar fresco que até nos rejuvenesce a alma.

Desejo que o próximo tempo que começa amanhã, continue com a mesma tendência e, se assim for, que os meus amigos e familiares usufruam e gozem de todas as boas energias à sua disposição.

Silvestre Félix
31.12.2016
Etiqueta: Ano novo
Foto: Google

Sem comentários: