O PRESIDENTE E A DEMORA DA REFORMA DO PODER LOCAL

Em poucos dias, o Presidente da República referiu-se mais de uma vez à urgência da “Reforma do Poder Local”.

São intervenções públicas que, na prática, pretendem passar a sua posição nesta delicada questão.

O PS e o Governo, pelo arrastar da coisa, parece não estarem interessados em mexer em nada que implique mudanças nas freguesias e nos municípios. Só dão como certo a eleição dos executivos das “Comissões Regionais” para este ano.

Tudo o resto, incluindo a “inacreditável” “lei-Relvas”, que, a régua e esquadro, agregou freguesias, transformando algumas dessas “uniões” em monstros descontrolados que se afastaram de vez dos fregueses, estão atirados para depois das autárquicas, ou seja; para mais quatro anos.

Marcelo Rebelo de Sousa tem a noção que, para salvar o País de outros ventos que pelo mundo sopram, o Poder Local reformado e moderno é fundamental e não pode esperar até 2021.

Portanto, o Governo tem de “dar corda ao sapato” e tratar de preparar a “Reforma” a tempo das próximas eleições autárquicas. 
  
Silvestre Félix
22.01.2017
Etiqueta: Poder Local
Foto: Wikipédia 

FUNCIONÁRIOS JUDICIAIS, REABERTURA DE TRIBUNAIS, OU...

Afinal em que é que ficamos?

Os senhores funcionários judiciais querem que os tribunais encerrados pelo anterior governo, voltem a estar ao serviço das populações que deles precisam, ou não?

Numa intempestiva reação dos representantes de classe que, através dos microfones todos à sua disposição, manifestaram discordância na reabertura de 9 dos 20 tribunais, por ter sido pedida a colaboração das respetivas câmaras municipais que destacaram, provisoriamente, um(a) funcionário(a) administrativo(a), para que estes cidadãos da área abrangida não fossem discriminados com o adiamento desta aplaudida medida.

Os mesmos senhores protestaram, se calhar, não o suficiente, aquando do encerramento e, agora, reposta a normalidade em benefício de todos, recorrem a expedientes “cautelares”, só, porque, não havendo funcionários judiciais disponíveis, se recorreu à ajuda das câmaras municipais.

Dizem eles que, assim, os tribunais não podem garantir o segredo e a confidencialidade exigida.

Que se saiba, mesmo sem funcionários das câmaras a trabalhar nos tribunais, o “segredo de justiça” é, desde há muito tempo violado e, conteúdos inteiros de processos são escarrapachados nas primeiras páginas de alguns jornais e transcritos nos principais serviços noticiosos das nossas TV’s.

Vá lá! Prestem um bom serviço às populações e não compliquem a reabertura dos tribunais.

Silvestre Félix
04.01.2017
Etiqueta: Justiça
Foto: Google     

ONDE ESTARÁ O "RICO" TALÃO?

Faça uma limpeza aos bolsos dos casacos e blusões, ao porta-luvas do carro ou aquele sítio para onde costuma atirar os talões de estacionamento, aos milhentos papéis que acumula na carteira, à gaveta lá em casa que, por muito cheia que esteja, ainda cabe sempre mais um “canhoto” de qualquer coisa. Veja também os talões de multibanco que costuma usar para marcar a leitura das revistas e livros na casa-de-banho.

É importante que siga os meus conselhos.

Procura-se talão da “Santa Casa”, esquecido algures, com um chorudo prémio de 7 milhões de euros.

Quem será este “jogador” que não tem a preocupação de conferir o resultado da jogada?

Pode ter muito e talvez queira, assim, aumentar os lucros da SCML…

Silvestre Félix
02.01.2017
Etiqueta: SCML
Foto: Google 

LÍTIO - O OURO MODERNO

Contestação à exploração de Lítio-Serra da Estrela-24.08.2019  (DN online) Muitas regiões do nosso país têm o subsolo a abarrotar de o...